O lado B dos móveis italianos

By 18 de janeiro de 2016 Novidades, Sem categoria No Comments
2 (2)

A galeria de arte grega, Deste Foundation, uniu forças com a revista contemporânea TOILETPAPER, para criar o livro 1968: Radical Italian Furniture, um acervo visual de imagens que celebram o inusitado design italiano dos últimos anos da década de 60.

O motivo pelo qual o livro retrata uma época tão específica do design na Itália, é devido à brevidade do Radical Design, foco da publicação. Esse movimento era composto por artistas que se aproveitaram da seriedade visual da época, para criar peças fortes, que quebrassem completamente com a norma estéril do bom gosto conformista dos anos 60. Fazendo limonada com os limões do design monótono da década.

Dakis Joannou, fundador da Deste (nome originado da palavra “olhar”, em grego) possui uma vasta, e eclética, coleção de móveis pertencentes ao movimento Radical Design, um recurso que, nas mãos das mentes criativas por trás da revista TOILETPAPER, gerou um projeto instigante.

A dupla que fez chover ideias em cima das peças fornecidas pelo colecionador grego, é composta pelo artista Maurizio Cattelan e pelo fotógrafo Pierpaolo Ferrari, ambos de origem italiana, que dividem as sedes da empresa entre Milão e Nova York. Afinal, as duas cidades fomentam esse design ousado de maneira efervescente. Foi com essa picância criativa que foram abordados os móveis do acervo de Radical Design da Deste Foundation. Inspirados nos ensaios sensuais das revistas Playboy dos anos 60 e 70, a dupla Cattelan e Ferrari, idealizou e fotografou um editorial dedicado à esse movimento do design.

Com toques de erotismo, muito humor e uma pitada do bizarro, as fotografias foram compiladas no livro 1968: Radical Italian Furniture, totalizando 120 páginas de imagens inspiracionais. As formas irreverentes dos móveis são combinadas a modelos seminuas, animais (como o galo que adorna a capa) e outros recursos, todos complementando a colorida confusão criativa que é o Italian Radical Design. O livro é uma peça de arte, como uma bíblia do design contemporâneo – e fora do comum.

Leave a Reply